sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

~Do tempo~


Eu queria fugir de todos e do vento.

Me sinto triste e a tristeza me causa odio.

Odeio milhares de coisas em minha volta.

Não sei como vou me sentir daqui algum tempo...

Se ainda vou amar ou se vou chorar perdas.

Não sei.

Sei que vivo o hoje, e é esse o tempo que importa.

E mesmo que eu esteja despedaçada não vou me entregar para a lembrança dos dias felizes e viver eternamente no passado.

2 comentários:

Poison disse...

qualquer coisa minina
vc volta pra cá

=}
ai tlavez possa respirar
um ar deferente desse ai

mjrmirote disse...

O melhor a se fazer é viver a vida q se vive hoje até conhece-la melhor. Mas saiba q a morte não será o fim. Mas sim uma repetição da mesma vida. Essas repetições podem acontecer várias vezes. Embora elas podem acontecer na maioria das vezes com outras possibilidades. Outros destinos. Q será você q irá fazer. Mas chegará um tempo. Q não irá mais precisar dessas repetições. Pois sua consciência terá se dissolvido em Allah.